Blog

Institucional >> Blog

GESTOR, CONHECE-TE A TI MESMO!

Assédio, Reputação e Autoconhecimento na Sociedade Digital Onde está a causa-raiz do assédio moral nas organizações? Na qualidade e grau de maturidade das relações interpessoais entre a gerência (topo, média e da base) e os colaboradores? Em grande medida, sim. É preciso mensurar, e agir para prevenir e corrigir. Esse é um desafio cada vez

Leia mais >

GESTÃO DE BASE: NÃO HÁ RESULTADO SEM QUALIFICAÇÃO.

A realidade prática das indústrias ocorre no chão de fábrica. É aqui que se concentra o maior número de colaboradores e o foco de melhoria da empresa. Os gestores de base são aquelas pessoas que na indústria atuam nesta realidade do chão de fábrica, muitas vezes, gerenciando equipes grandes, com 50, 100, 200 colaboradores. É

Leia mais >

93% DAS PESSOAS PREFEREM TRABALHAR PARA UM EMPREGADOR EMPÁTICO REVELA A PESQUISA “2019 STATE OF WORKPLACE EMPATHY”

“Por que e como fazer da empatia um elemento central da cultura de sua organização?”. A Harvard Business Review (1) de 30/5/2019 aborda a questão citando o “2019 State of Workplace Empathy”, investigação sobre a empatia no ambiente de trabalho, realizada nos últimos quatro anos. Em que medida há competência para se compreender e vivenciar

Leia mais >

CONVITE PALESTRA GRATUITA

PALESTRA GRATUITA “O cenário das relações sindicais com a previsão de implantação da pluralidade sindical” em 05 DEZEMBRO DE 2019. Aproveitem está oportunidade, para inscrições seguem dados na imagem para solicitação das fichas! Esperamos vocês para compartilharmos deste conhecimento. hashtag#conhecimentohashtag#wccahashtag#relações

Leia mais >

SEM NEGOCIAR CONSIGO MESMO É IMPOSSÍVEL NEGOCIAR BEM COM O OUTRO.

O melhor modelo de NEGOCIAÇÃO é o que se alinha a um propósito maior: construir uma CULTURA DE COMPROMETIMENTO, em que predomina a EMPATIA e não o egocentrismo. “It’s official: happy employees mean healthy firms”(1) é o resultado de pesquisa divulgada em julho/2019 pelo World Economic Forum e pela LSE Business Review (da London School

Leia mais >

SINDICALISMO: “BRASILEIRO” X “CLÁSSICO”! PARA ONDE CAMINHAMOS?

Um dos sentidos de “clássico” é “que serve de modelo”; exemplar”, segundo o dicionarista Houaiss.  O modelo sindical que chamamos de “clássico” inspira-se em diretrizes da Organização Internacional do Trabalho. “Afirmação do princípio da liberdade sindical”, meio suscetível de melhorar a condição dos trabalhadores e de assegurar a paz: é o que enuncia o Preâmbulo

Leia mais >

KAIZEN 0 – A FORÇA DA CULTURA E DOS VALORES : ninguém pode considerar-se pronto, pessoas e organizações são seres inacabados. Não se deve nunca interromper o esforço de evoluir. O sucesso do passado nunca garante o sucesso do futuro.

“Meu objetivo é construir uma empresa baseada no amor, e não no medo!” é o que afirmou, certa vez, o CEO de uma empresa de U$16 bilhões, 70.000 funcionários, que por 20 anos consecutivos, se manteve na lista das melhores para se trabalhar, além de ser uma das mais admiradas do planeta. Há dois anos

Leia mais >

REGULAMENTO INTERNO EMPRESARIAL E A GESTÃO DE PESSOAS.

Como sua empresa está se ajustando à essa diretriz da reforma trabalhista? No Louvre, maior museu do mundo, há um grande bloco de pedra com mais de 2 metros de altura, esculpido com 282 artigos de lei. Tem mais de 3.500 anos. É o Código Hamurabi, tido como primeiro código de conduta da humanidade: nele

Leia mais >

CÓDIGOS DE CONDUTA E O COMPLIANCE TRABALHISTA*

Códigos não podem ficar no papel, em murais ou gavetas. Precisam tornar-se “livro de valores vivos”. “Eu penso que o Código de Conduta é o mais importante documento que nós produzimos” afirma o mais alto executivo de uma empresa centenária, com mais de 100.000 funcionários e 50 trilhões de dólares de faturamento. A frase encerra

Leia mais >